FE

O meu nome é Fernando Esteves e sou jornalista da revista Sábado, onde sou editor das secções de Política e de Internacional. Antes de cá chegar, acredito que dei um forte contributo para o encerramento de duas publicações: o Euronotícias e O Independente, este último um sonho de adolescência onde vivi cinco anos inesquecíveis.

Em ambos os casos, não fiquei até ao fim. Saí antes de a orquestra parar de tocar, uma constante da minha vida que talvez diga algo sobre mim – sabem aquela história dos ratos e do navio? Pois.

Sou autor de dois livros: “O Todo-Poderoso”, biografia não oficial de Jorge Coelho; e “Cercado”, sobre os bastidores dos principais casos a que José Sócrates esteve ligado.

Aqui fala-se de jornalismo, de política nacional e internacional, de tendências da comunicação e de comportamento, com grande ênfase nos fantásticos desafios que o mundo digital nos veio colocar. 

E pronto, é isto. Poucochinho, não é? Eu sei.