HOMEPAGE

Expresso: o dia em que Coelho tramou Seguro
Publicado em: 23 Mai, 2014
Partilhar: Partilhar no Twitter

 

fotografia (1)

 

Quando se colocou a questão da sucessão de Ferro Rodrigues no Partido Socialista (lembram-se que ele se demitiu na sequência da decisão de Jorge Sampaio de não provocar eleições antecipadas depois da fuga de Durão Barroso para a Europa?), Jorge Coelho foi decisivo. Objectivamente, foi ele que escolheu Sócrates como líder. Para desgraça da nação. Em seu abono, acredito que quando o fez não imaginava que se seguiria o circo que todos conhecemos. Pelo caminho, ficou Seguro, a quem foi armada uma emboscada no hotel da Cúria. A história dessa emboscada, contada num dos capítulos do Todo-Poderoso, foi tema de um óptimo artigo assinado por Cristina Figueiredo (grande jornalista e enorme especialista em Partido Socialista) no último Expresso. Deixo-vos a digitalização.

 

expresso









Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Current ye@r *