HOMEPAGE

O homem que rebentou com Nixon
Publicado em: 02 Set, 2013
Partilhar: Partilhar no Twitter

Morreu o homem que fez gato-sapato de Richard Nixon. David Frost tinha 74 anos e seguia numa viagem a bordo do navio cruzeiro Queen Elizabeth. A dada altura da sua carreira David Frost parecia condenado a ficar para a história como um tontinho que apresentava programas de humor na BBC.

 

david2

A série de entrevistas que fez a Richard Nixon no pós-watergate salvou-o. Quem já as viu percebe facilmente que durante a maior parte da conversa Nixon monopoliza o diálogo. Tudo indicava que os 600 mil dólares que Frost lhe pagara pelo exclusivo seriam bem mais úteis se fossem gastos em prostituição. O desespero de Frost foi simultaneamente o seu génio. Nas últimas horas de conversa (que durou 29 horas) lançou-se a Nixon, obrigando-o a reconhecer que fizera merda no exercíco do cargo mais importante do mundo. E a proferir uma frase que ficou para a História: “Quando o Presidente o faz [quando erra], isso quer dizer que não é ilegal”.

 









Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Current ye@r *