HOMEPAGE

As mamocas e o rabinho da Rita – e os desafios que eles colocam na era digital
Publicado em: 20 Ago, 2013
Partilhar: Partilhar no Twitter

São as maravilhas da era digital: esta manhã a actriz Rita Pereira acordou sobressaltada com uma notícia do Correio da Manhã que falava sobre o seu património – e não me estou a referir ao carro, à casa, ao cão ou à conta bancária. O rabinho e as mamocas da rapariga estariam, de acordo com o CM, sub suspeita. Escreve o jornal que houve ali mão de profissional. Para sublinhar a sua tese coloca mesmo um cirurgião plástico – não identificado – a atestar o facto.

 

Image-1

As curvas da Rita

Ritinha decidiu imediatamente gravar em vídeo uma mensagem fofinha para a jornalista do CM. Espirituosa, agradece aos pais o facto de a terem feito tão perfeitinha, nega a interferência do bisturi e, por último, ainda se oferece para dar à jornalista o contacto do personal trainer que a tem ajudado a manter a obra divina que acredita que os pais construíram com prazer.

 

Este vídeo – que depois de ser colocado no Facebook pela actriz se tornou viral – seria um mero fait divers se não dissesse tanto sobre a forma como a comunicação mudou nos últimos anos. Os jornalistas deixaram de ter a tradicional função de gatekeepers – os porteiros da informação – porque os players deixaram de precisar deles para fazer circular as suas mensagens. Para eles, é um mundo perfeito: dizem o que querem, como querem, durante o tempo que desejarem. E garantem um impacto que nenhum outro meio de comunicação lhes daria. Pelo caminho ainda contaminam a imprensa dita tradicional – ninguém acredita que amanhã não surjam notícias nos jornais em papel sobre o vídeo de Ritinha, pois não?

 

Responder a estas novas questões que a era digital nos coloca é um dos grandes desafios que se colocam aos jornalistas para os próximos tempos. 









Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Current ye@r *